conversas de cafe

Um café, um cigarro, uma pausa... Um blog, feito ao sabor de... Uma troca de palavras, o silêncio que se segue para pensar, Mais uma pausa, Mais um cigarro, Nova troca de palavras...

domingo, dezembro 03, 2006

Medo

O medo pode não ser objectivamente, mas sim artificialmente fundamentado, fruto do alarmismo e dos receios dos outros.
O que é ter medo?

sábado, novembro 04, 2006

Esbate o tempo, a aurora do momento.
Momento que é dia, dia que é tempo
E não se sai do vicio do ciclo
Passa a vida, passa a glória,
fica a morte, resta a memória
Aguardas que a areia te fique na mão
que não te escape por entre os dedos
Mas a Natureza faz as suas horas
e cada grão é menos um
e cada grão é mais um que foi
a réstia de um areal
a permanência do deserto.
A noite chega repleta de estrelas
e o caminho fica iluminado
A existência faz parte da luz
O caminho aguarda sem tapete vermelho
E tu páras para respirar
inspira, expira
e morres na noite
que se fará dia,
para um outro que não tu.

sábado, outubro 07, 2006

Conversas de Café

Um blog, feito ao sabor de...
Uma troca de palavras,
o silêncio que se segue para pensar,
Mais uma pausa,
Mais um cigarro,
Nova troca de palavras...